12 setembro 2013

Trancado a 7 chaves


Fanfic / Fanfiction de Inazuma Eleven - Trancado a 7 chaves - Capítulo 6 - Capitulo VI

Capitulo VI

Tenma Matsukaze
 Era 6:30 am já estava de pé e terminando de me arrumar teria de ir falar com Shindou antes que Ran-chan fosse viajar.Chego na escola e nada dele,o sinal já ia bater então resolvi ir a casa dele.Quando chego fui recebido por um dos seus mordomos,que me levou até seu quarto,abri a porta e ele estava na casa sentado com uma caixa prata no colo.
 -Shindou. –ele olhou rápido para mim e voltou fixá-los na caixa.
 -Não deveria estar na escola?
  -Sim e você também.
  -Não me sinto muito bem,o que quer comigo?
  -Precisa se trocar e ir rápido para a casa de Kirino.
  -Por que?
  -Você tem que ir Shindou o mais rápido possível. –disse fazendo gestos para que se apresasse.
  -Se não me dizer o por que ao saio daqui.
  -Shindou ... Ran vai embora.
  -Hãm? Embora? –ele disse se levantando .
  -Sim.
  -Como sabe?
  -Sabendo,ontem fui na casa dela e ... e ... aah Shindou o que interessa é que se você não se mexer AGORA Ran vai para Taiwan.
  -TAIWAN?!
  -Sim.
  Como de imediato ele foi em direção a porta e saiu correndo,eu o segui.Sem dar nenhuma explicação ele passou pelos mordomos e abriu a porta e corremos até a casa de Ran,ela já estava vazia e vi que Shindou começou a olhar em volta da casa desesperado era aproximadamente 7:15 am e estávamos voltando a casa de Shindou para pegar o carro quando meu celular toca,era Ran avisando que logo embarcaria,mostrei a mensagem a Shindou que só o fez correr mais ainda até a sua casa.Mandei outra mensagem,ela teria que nos esperar.Chegamos e logo que contamos a Robert ele já se dirigiu para a garagem e nos estávamos a caminho do aeroporto.No caminho recebo outra mensagem e nesta ela dizia que o embarque já tinha sido anunciado.Robert depois que os avisei acabou tomando um atalho e chegamos depois de 5 minutos ao aeroporto. Saímos correndo e olhamos em um grande televisor no centro do local o embarque para Taiwan já havia sido anunciado,Shindou começou a procurá-la e eu fiz o mesmo,quando passamos por uma das janelas que dava vista para a pista o avião com destino a Taiwan estava decolando.Não poderíamos fazer mais nada,ficamos ali parados olhando o avião subir,tínhamos corrido contra o tempo,mas acabamos perdendo.Depois que o avião não pode ser mais visto por nos ele se virou e caminhamos para o carro em silencio,eles me deixaram em casa e seguiram para a mansão. Tinha que pensar em algo rápido,ou então Kirino e Shindou vão ficar separados pra sempre.

Shindou Takuto
 Meu peito doía tanto enquanto via o avião decolar e eu não poder fazer nada.Depois de um tempo já não suportava estar ali,então me virei e fui em direção ao carro,Tenma me seguiu,o deixei na sua casa e fui para a minha,subi para o quarto e tranquei a porta,logo algo quente começou a correr pelo meu rosto,eram lagrimas.Como fui egoísta,não pensei em Kirino e agora ela se foi.É bem feito mesmo,sempre a amei e quando tudo estava preparado para podermos ficar juntos meu orgulho acabou falando mais alto.E agora? Como vou viver sem ela? Tudo em meu quarto me faz lembra ela,seu cheiro e lembranças estão por toda minha casa,como é que vai viver agora senhor Shindou? Sem sua razão,sem seu ar? As teclas do meu piano já estavam molhadas quando pude ouvir batidas na porta.
 -Mestre Shindou? – ouvi Robert dizer do outro lado da porta.- Posso entrar?
 -Sim. –Fui até a porta a abri e me senti na minha cama.
 -Quer conversar mestre?
 -Queria falar com minha mãe.
 -Claro senhor. –ele disse e saiu,depois de um tempo voltou com o telefone e me entregou.
 -Alô.
 -Oi meu filho,aconteceu algo?Fizeram Alg....
 -Preciso de um favor.
 -Se estiver em meu alcance,pode pedir meu filho.
 -Poderia enviar alguns de nossos detetives a Taiwan?
 -Taiwan? O que quer em Taiwan?
 - Preciso procurem alguém pra mim.
 -E quem seria?
 -Prefiro dizer somente para os detetives. –Poderia muito bem dizer a minha mãe sobre Kirino,mas ela iria quer saber todos os detalhes e não tinha cabeça para a explicar tudo neste momento.
 -Nossa,é tão importante assim? Hmm...uma pessoa especial para o meu filhinho ... e mora tão longe,espero que de tudo certo.Ah! E Kirino?Como está com esta paixão repentina?Costumam ser tão próximos.
 -Ele está bem. –senti uma pontada no peito quando ouvi o nome de Ran,mas teria de fingir.
 -Certo,amanhã ou hoje mesmo Near um dos melhores detetives que temos entrará em contato com você meu anjo.Mamãe te ama muito,fica com Kami-Sama.
 -Obrigada mãe.
 -De nada meu amor.
  Desloguei o telefone e entreguei a Robert.
 -Near ligará e quero falar com ele. –Esse realmente era um dos melhores detetives que temos,ouvi dizer que ele resolveu um caso muito importante em Tókio com sucesso.
 -Sim senhor.
 -Preciso também que libere minha conta e pague o que Near quiser.
 -Algo mais senhor?
 -Por enquanto não.
  Ele saiu e me sentei na beirada da cama,nossas fotos estavam dentro de uma caixinha que compramos juntos que está em cima da cama.Cedo ou tarde esse Near com certeza encontrará Kirino e então desta vez não falharei,direi o que sinto realmente a ela e espero que ela me corresponda,por que é com ela que quero passar o resto da minha vida.
 Logo a tarde um assessor de Near me ligou e falei com ele,enviaria uma foto dela para que começassem as buscas.Quando desliguei senti um pouco de alivio,mas não estaria por completo enquanto ela não estivesse aqui comigo.Deitei na cama e lembranças de momentos nossos foram passando como um filme em minha mente,a partir de amanhã traria Ran pra mim e assim o sono veio.

Masaki Kariya
Já era de manhã quando vi Tenma me procurando pela escola,acabei que tentando fugir dele,mas não consegui.Ele me encontrou escondido atrás da escola.
 -Kariya. –disse ele se aproximando um tanto que com raiva. – Como pode fugir de mim?
 -Ah Tenma,o que quer agora? –disse cruzando os braços e os colocando atrás da cabeça.
 -Pelo jeito não ficou sabendo.
 -Sabendo?Sabendo do que? –disse curioso,seu olhar estava triste e um mal pressentimento correu pelo meu corpo.
 -Sobre Ran-chan.
 -O que tem ela?
 -Ela ... foi embora. –ele disse em voz baixa,mas o escutasse,meu coração parou por alguns segundos o que me causou falta de ar,´´Como assim ela foi embora?Por que? Com quem?`` queria perguntar muitas coisa e saber o por que de ela ter ido,mas não saia nada.Logo o sinal bateu e Tenma acabou indo e me deixando com meus pensamentos.
  Sim,eu sempre gostei de Kirino,sentia uma atração sei lá,mas com o tempo percebi que o meu gostar não era como o Shindou sentia,mas sim como uma irmã,confiava nela e agora ela se vai,assim sem mais ou menos.Como pode me deixar aqui?NÃO! Quero ela aqui,aqui comigo.Meu peito doía e logo comecei a chorar,mas pude sentir um pouco de raiva pois,com certeza deveria ter sido por culpa de Shindou a inda de Ran.Isso explicaria o porque dele na obter vindo na aula e isso era bem bom mesmo,pois quando o ver vou lhe bater por ter deixado Ran ir.
  Limpo as lagrimas e sigo para a sala,levo bronca mas acabo entrando na sala.O resto do dia foi sem graça e as vezes poderia jurar que via uma cabeleira rosa se misturando na multidão de alunos.
  Meu dia foi horrível e com certeza daqui em diante serão assim.

                        oOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOo

 Shindou Takuto
  Já estava de noite quando pude ouvir a porta de meu quarto ser aberta,estava na cama embaixo das cobertas e lagrimas corriam em meu rosto,as lembranças de Kirino ainda eram recentes e me faziam sempre chorar de angustia.Levantei a cabeça para poder ver quererá e pude ver alguns frios rosas entrando,por impulso me sentei e a vi de frente pra mim,Kirino,estava com um vestido branco que ai até um pouco acima do joelho.
 -Kir... –antes que pudesse terminar de dizer,senti seu dedo indicador tocar meus lábios e me impulsionar para trás me fazendo deitar,logo ela já estava em cima de mim e pude sentir seus lábios no meu ouvido,o que me deu uma descarga elétrica pelo corpo me causando arrepio.
 -Senti tanta saudades sua. –sua voz saiu baixa e sedutora.

 Continua.....

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de comentar!
Sua opinião é muito importante e nos serve de incentivo para melhorar!

© STM - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: J - (créditos também a:, ,,,).
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo